fbpx

Universitárias que humilharam faxineiro do Bobs pedem desculpas: confira o vídeo

Anúncios

Episódio revoltou as pessoas nas redes sociais

Quem aí não sabe o que aconteceu recentimente nas redes sociais que movimentou os internautas nessa última semana. O caso do vídeo de racismo de duas garotas no Bob’s humilhando um dos funcionários que estava ali, de boas, fazendo seu serviço. Agora elas pedem desculpas em um vídeo que kibei de um canal do Youtube.

Uma das universitárias que apareceu num vídeo, humilhando um faxineiro do Bobs, gravou um vídeo explicando o ocorrido e pedindo desculpas pelo acontecido, que ela classifica como “uma brincadeira de mau-gosto”. Ela se chama Júllia Rodrigues.

Entretanto, a universitária fez questão de gravar um vídeo explicando sua versão dos fatos. “Eu queria pedir desculpas a todos. Eu fiz uma brincadeira de mau-gosto que eu não gostaria que fizessem comigo. Eu sei que isso não é certo e eu errei feio. Inclusive já falei com ele (rapaz) e pedi desculpas. Mas minha intenção não foi a de humilhar ele pela profissão e pela cor dele”, disse Júllia.

Já a amiga dela, Thaís, usou o Instagram para se falar sobre o epidódio: “Eu namorei com esse rapaz durante seis anos da minha vida. São seis anos com ele, não foram quatro dias, não foi uma semana. Eu conheço ele há oito anos. Não é qualquer coisinha não. Ele sabe que não sou racista. Ele está ciente disso. O mesmo sabe que eu sempre lutei contra isso. Qualquer coisinha eu já fazia um “auê”. Eu realmente tomei decisões naquele dia que não foram legais, atitudes horríveis. Por isso estou pedindo desculpas a ele, já pedi. Estou pedindo desculpas para quem se ofendeu”, escreveu a jovem.

Acusadas pedem desculpas

ex-namorada do faxineiro também se desculpou afirmando que “estava fora de si” quando disse as palavras humilhantes ao rapaz. Ainda falou que “adianta, sim, pedir desculpas. Quando você se arrepende do que fez, você é perdoado. Eu estou arrependida e quero que isso acabe. Não me mandem mais mensagens. Eu não vou acabar com as minhas redes sociais, eu não fui racista”. Pouco tempo depois da postagem, Thaís também deletou a conta no Instagram.

O Bob’s emitiu um comunicado informando não ser verdadeira a notícia de que o funcionário teria sido demitido. Ele segue trabalhando normalmente e, por questão de privacidade, não foi revelada a identidade dele.

Aqui o vídeo esta mais completo, porem, o zé dono da página, resolveu colocar uns efeitos de bosta para atrapalhar a visualização. Creio que ele ficou com medo de ser processado. Segue o vídeo abaixo:

Anúncios
kauzz

kauzz

Podcaster, bloqueiro, vlogueiro, youtuber. memezeiro, social média e fundador do site Macaco Urbano. Interessado em curiosidades, sobrenatural, política e teres na madrugada ao lado da morena.