Ligou mais de 200 vezes para o 112 porque estava aborrecida

13Shares

Britânica, de 22 anos, deu-se, inclusive, ao trabalho de comprar vários cartões SIM, depois de perceber que os serviços de emergência tinham bloqueado o seu número.

800

Uma britânica de 22 anos telefonou mais de 200 vezes para o número de emergência de East Midlands, Inglaterra, entre o Natal e o Ano Novo, porque, segundo a própria, estava aborrecida.

O caso chegou ao tribunal de Leicester e, na semana passada, Victoria Cross foi condenada a uma pena suspensa de 18 meses e ao pagamento de 190 euros.

A jovem deu-se, inclusive, ao trabalho de comprar vários cartões SIM, depois de perceber que os serviços de emergência tinham bloqueado o seu número.

“Estou a ligar porque estou aborrecida e não quero saber de ninguém. Só quero saber de mim”, dizia Victoria, enquanto se ria durante a chamada.

Uma das falsas chamadas fez com que houvesse um atraso de um minuto e oito segundos numa assistência a uma criança, que estava em paragem cardiorrespiratória.

Este não foi, contudo, o primeiro caso de perseguição aos serviços de emergência de East Midlands, que, entre 1 de dezembro de 2017 e 29 de abril de 2018, recebeu 344 chamadas falsas de Thomas Exhall, que também foi condenado a pena suspensa e ao pagamento de uma multa.

Via: tvi24.iol.pt

13Shares

Ellen Lorrane de Oliveira Soares

Hello galera, eu sou a Ellen, tenho 18 anos. Sou uma adolescente-adulta e para fazer entretenimento de outros, dedico uma parte do meu tempo precioso para fazer publicações com conteúdos relevantes e engraçados. Como uma nova blogueira nesta pagina de humor, a zoação é necessária.