fbpx

Após levar uma surra, Popeye russo retira mais de 1 kg de músculo morto dos bíceps

Ex-recruta conhecido pelos braços gigantes poderia perdê-los ou até morrer, caso não tivesse se submetido ao procedimento.

Depois de ser ridicularizado por levar uma surra no MMA, o Popeye russo está de volta. Mas, quase poderia não estar. Isso porque ele foi obrigado a se submeter a um procedimento cirúrgico para a retirada de cerca de 1,3 kg de músculo morto e três litros de vaselina dos bíceps avantajados.

Ex-recruta do exército da Rússia, Kirill Tereshin, 23, é personagem constante do noticiário bizarro após ter inflado e deformado os braços com a substância derivada do petróleo.

De acordo com o tabloide britânico Metro, ele foi avisado por médicos que poderia ter os braços amputados ou até morrer, caso não fosse operado o quanto antes.

Mesmo assim, o Popeye russo ainda teve que ser persuadido por Alana Mamaeva para realizar o procedimento. Atualmente, ela é uma das principais ativistas de vítimas de cirurgias plásticas malfeitas e ajudou a arrecadar fundos para o rapaz.

Ouça nosso Podcast

#64:Coronavírus e Droga zumbi faz louco cortar a própria perna!.

Link da Playlist: EDIÇÕES PASSADAS.

Foi Mamaeva quem divulgou um vídeo com Kirill após a primeira das quatro operações as quais ainda será submetido. Na gravação, ele perguntava freneticamente:

O Popeye russo foi informado que não perderá o movimento dos braços. No entanto, o tamanho deles será reduzido drasticamente.

Melnikov explica que a substância injetada pelo ex-recruta satura os músculos e a pele: “Tudo isso precisa ser removido, mas precisamos manter veias, nervos e outras funções dos membros”.

A obsessão de Kirill por braços volumosos já lhe causava “febres altas, dor intensa e fraqueza”. Segundo o médico, ele “teve ‘sorte’ do dano ter permanecido apenas nos membros e não ter se espalhado para o resto do corpo”.

“A vaselina afeta todo o corpo, especialmente os rins”, detalha Melnikov, “acho que Kirill não percebeu as consequências do que estava fazendo”.

Kirill Tereshin é mundialmente famoso como o “Popeye russo”, graças aos braços grandes e ridículos frutos do óleo synthol. Por algum motivo, ele achou que era forte de verdade e entrou para o MMA. Mas, já em sua segunda luta, ele foi derrotado e humilhado por um oponente com quase o dobro da idade dele.

O braçudo enfrentou Oleg Mongol, de 43 anos, em uma luta na Sibéria.

Em uma descrição da luta feita pela mídia russa, a performance de Kirill foi ridicularizada.

“A forma como ele ajeitava os braços ridículos foi a ruína dele”, descreveu o Daily Mail, citando um jornal siberiano.

Apesar da surra, a luta durou cerca de 3 minutos, o que pessoas que assistiram afirmaram ter sido causado pela diferença de idade entre os lutadores.

Para piorar, Kirill é alvo da mídia de fofocas local.

Notícias afirmam que ele se separou da noiva dele, a modelo Olesya Kozhevnikova, de 28 anos.

O bíceps de Kirill cresceu 25 cm em 10 dias, após injeções contínuas de synthol. Isso o tornou famoso, mas não o livrou dos vexames

Fonte: R7

kauzz

kauzz

Podcaster, bloqueiro, vlogueiro, youtuber. memezeiro, social média e fundador do site Macaco Urbano. Interessado em curiosidades, sobrenatural, política e teres na madrugada ao lado da morena.